Por Paul Washer. © HeartCry Missionary Society Inc. Website: heartcrymissionary.com
Original: Know Christ, Know the Gospel – Paul Washer. Website: illbehonest.com
Tradução e Legenda:
voltemosaoevangelho.com

Anúncios

Efemeridade???????????????

Veja a tradução dessa música aqui.

Poucas pessoas sabem qual o real significado da palavra “efemeridade”, ela quer dizer em poucas palavras que tudo é passageiro. Não devemos olhar isso só em uma visão humana, mas também em uma visão espiritual.

Na Bíblia existe um versículo muito interessante, mais ou menos assim: “As coisas materiais são passageiras, mas as coisas espirituais são eternas”. Então, o que Deus quer para você muito mais do que aquilo que possamos imaginar ou querer, porque para nós o SENHOR reservou as coisas espirituais e eternas. Mas você pode se perguntar: ” Quais são as coisas que Deus quer para mim? Como terei uma coisa que não posso ver? Como algo espiritual pode me fazer feliz? Outro versículo: ” O que os olhos não viram, o que o s ouvidos não ouviram, foi o que deus preparou para os seus filhos”. Às vezes você pode se contentar apenas como um carro novo na sua garagem, uma casa bem arrumada, uma profissão de boa qualificação, e uma família estrutura (é algo que todo homem bom quer…), mas isso seria suficiente?

O carro pode enferrujar, as suas peças pode ser desgastar, pode ser roubado; a casa pode ter infiltrações, pode ser pichada; você pode ser demitido, ser humilhado o trabalho; na sua família pode haver brigas constantes, pode vim a haver um divórcio… Eu sei isso é pesado de se falar, mas é aqui que espero que você entender o significado da palavra efemeridade, não no sentido de que a vida e curta e tem-se que aproveitá-la com todas as forças, mas de que tudo o que ajuntarmos sobre a face da terra é suscetível a desmoronar. Outro versículo: ” Do quer adianta ganhar o mundo e perder a sua própria alma”, isto foi o próprio Jesus que falou. É mais importante ajuntar riquezas espirituais que eternas do que se contentar em ter sucesso material e social, isso é importante, mas não é o suficiente. Existe pessoas que acham se alcançarem o sucesso não precisam de Deus. Um exemplo: Alexandre, o Grande, um dos maiores conquistadores da história humana, que com seu Império Macedônio, conquistou quase a metade do mundo, ele viu que tudo iria acabar após a sua morte, nenhuma glória, nenhuma vitória sua iria acompanhá-lo após a morte, por isso antes de morrer Alexandre pediu fosse posto no caixão e que sua mão fosse deixada para fora, mão que era cheia de anéis e pedras preciosas, símbolos de suas conquistas, ele deixou a mão para fora do caixão para que todos soubessem que nada daquilo que conquistou levaria consigo.

Outro exemplo disso foi Salomão, um dos maiores rei da história, o mais sábio, um dos mais ricos, um dos tinha mais mulheres, ele falou no livro de Eclesiastes, de sua autoria, que tudo era vaidade, tudo o que conseguiu era vaidade. A grande questão não é que devemos deixar tudo e viver só das coisas espirituais não, a questão é o valor tão das coisas espirituais e que muitas vezes nós desprezamos.

As coisas esprituais, um dom que Deus lhe dá, um fruto do Espírito, não pode ser roubado, não pode ser copiado, não pode ser frustado, ou de alguma maneira desgastado, e é eterno. O único modo de perder os dons espirituais seri você própria abdicar do direito de servir a Deus com esses  dons e começasse a usá-lo em benefício próprio ou contra a Igreja do SENHOR.

“Buscai primeiro as coisas de Deus e as demais coisas vos serão acrescentadas”.

O Velho Sábio

O Velho Sábio

Havia um homem muito reconhecido em uma terra distante. Ele havia descoberto o tratamento para a morte, a fonte da juventude, uma fórmula mágica para que a humanidade vivesse para sempre. E ele acabara de anunciar que falaria sobre o segredo. Eis que milhares de pessoas se juntaram em uma praça pública, em um número que não podia ser contado.

Um velho alto, com barba branca até o peito, e olhos semi-cerrados subiu lentamente os degraus de um palco gigantesco. Ele levantou suas mãos e foi saudado com aplausos e gritos por longos minutos.

E então ele começou:

“Todos os seres humanos têm uma doença terminal.”

Ele respirou fundo, e com muita dificuldade continuou, com uma voz rouca.

“Todos nós nascemos para morrer, e o coração é uma bomba-relógio que dura aproximadamente 70 anos. A única certeza que temos na vida é que vamos morrer.”

Então ele franziu a sombrancelha e ergueu sua voz em alto e bom som:

“Mas eu encontrei a solução para a morte!”

O povo foi ao delírio, e até fogos de artifício explodiam no céu claro em cores vívidas.

“É possível tratar essa doença, e ao invés de morrer, você dormirá. Você passará alguns anos dormindo, mas viverá para sempre.”

As pessoas, satisfeitas com aquela fórmula que muitos comprovaram ao longo dos anos, aplaudiam o velho sábio a cada frase que ele falava.

“Nós já estabelecemos tratamentos médicos grátis em todos os bairros do país. Tudo que você precisa fazer é aceitar o tratamento do doutor, ser vacinado contra a morte, e tomar diariamente este líquido miraculoso.”

Ele ergueu um frasco com um líquido vermelho, e levantou aos céus como o mais estimado prêmio.

“E todos que seguirem estes passos, eu lhes garanto, jamais morrerão!”

 

Quem tem ouvidos para ouvir, que ouça.

Jesus é o médico, e Ele veio para os doentes e não para os sãos. “Não vim chamar justos, mas pecadores ao arrependimento.” (Lucas 5:32) Toda a humanidade tem o gene do pecado, que leva a morte, mas a vida eterna é para aqueles que admitem que precisam de um tratamento médico para viverem para sempre.

Simples assim.

Estas são as boas novas – que Deus demonstra seu amor por nós através de Cristo, que morreu em nosso favor quando ainda éramos pecadores (Romanos 5:8). Ele é o Doutor, e o seu sangue (líquido miraculoso) nos purifica de todo o pecado.

Quando nos entregamos à vida de imoralidade, libertinagem e toda porcaria reluzente que esse mundo oferece, escolhemos viver com a doença terminal da morte e não sermos tratados. Se assim fizermos, morreremos para sempre. Pagaremos o preço de nossos pecados. Mas se aceitarmos a Cristo como nosso Senhor, Ele nos curará e nos aperfeiçoará até sua Segunda Vinda, quando acordaremos como se estivessemos dormindo.

“Multidões que dormem no pó da terra acordarão: uns para a vida eterna, outros para a vergonha, para o desprezo eterno.” (Daniel 12:1)

E se você tem medo da morte, deixa eu te dizer algo que a ciência nunca conseguiu explicar. Não existe nenhum ser humano que vive para sempre. E também ninguém que vive sem dormir. Quando dormimos, não pensamos, ficamos imóveis e o tempo passa depressa. Deus fez o homem assim para que ele não tivesse medo da morte. Morrer é como dormir. Pois Ele venceu a morte eterna, e todos os que viverem para Ele não morrerão, somente dormirão!

Assim, que você tenha certeza da Vida Eterna prometida por Cristo, e não se deixe levar pela doença do pecado.

Retirado do blog Não Morda a Maçã!!!